Olá, seja muito bem-vindo ao site553685 560702014023203 1715984995 n 250x300 HOME do livro-reportagem Banguela, de Marcio Pessôa.

Banguela revela os bastidores da maior operação policial da história do Rio Grande do Sul e do maior esforço de integração entre as estruturas de segurança pública do Sul do Brasil. A obra é um raio X de um sistema à mercê de autoridades, geralmente de “vocação feudal”, com vícios políticos e insuficiência de recursos materiais e humanos.

A investigação jornalística revela informações sigilosas, que explicam decisões polêmicas de governo, tomadas em gabinetes de primeiro escalão. Banguela fomenta o debate sobre a divisão das polícias e a febre dos grampos telefônicos no Brasil, mostrando que escutas podem servir tanto para investigações sérias, como para crimes policiais.

O livro aponta uma “cola de investigação” feita pela Polícia Federal. Por meio de escutas em telefones de policiais civis, federais teríam acessado informações e montado uma “caçada” paralela a um bandido midiático. Banguela narra a morte do menino ATM, de 3 anos, durante uma operação policial, explicando como o caso permanece sem solução e por que, após alguns anos, a Justiça ainda não deu satisfações à família e, provavelmente, não dará.